quarta-feira, 26 de outubro de 2011

...é uma saudade que desponta de onde não sei e para onde vai quem sabe...

Um comentário:

  1. É Linda de se Ver!... Ouvir... nem se fala... Ouve-se!... Esta Canção entoa um doce e triste canto da Saudade!...

    ResponderExcluir

JORGE DONN - Bolero de Ravel