domingo, 21 de setembro de 2014

Assim é o amor

Assim é o amor

De olhos fechados Sinto teu cheiro bem próximo, 
E sua mãos que percorrem meu corpo em chama, 
Sinto um arrepio na pele, desejosa do seu toque.
Imagino os seus contornos.
Mesmo distante, mesmo nunca tendo tocado-o,
Posso t e sentir vivendo aqui dentro.
Perco-me em instantes
que tornam-se eternos dentro de mim.
Tudo se transforma em transcendental sentimento.
E que nem uma vida inteira,
será capaz de me fazer esquecer:
Essa loucura, esse sentir, cada momento.
Imagino teu olhar...
Deixo - me levar...
Sabes me guiar,
Pela minha carne macia...
Sou feita de amor e sentimentos.
Minha boca implora por seus beijos.
Amor da vida toda...
Conhece bem meus desejos...
Sabe meus mistérios, minhas fantasias, meu pejo.

Poetisa Sandra Ornellas//Poeta Edy Simão




Foto: Assim é o amor

De olhos fechados Sinto teu cheiro bem próximo, 
E sua mãos que percorrem meu corpo em chama, 
Sinto um arrepio na pele, desejosa do seu toque.
Imagino os seus contornos.
Mesmo distante, mesmo nunca tendo tocado-o,
Posso t e sentir vivendo aqui dentro.
Perco-me em instantes
que tornam-se eternos dentro de mim.
Tudo se transforma em transcendental sentimento.
E que nem uma vida inteira,
será capaz de me fazer esquecer:
Essa loucura, esse sentir, cada momento.
Imagino teu olhar... 
Deixo - me levar...
Sabes me guiar, 
Pela minha carne macia...
Sou feita de amor e sentimentos.
Minha boca implora por seus beijos.
Amor da vida toda...
Conhece bem meus desejos...
Sabe meus mistérios, minhas fantasias, meu pejo.

Poetisa Sandra Ornellas//Poeta Edy Simão
Todos os direitos reservados
Lei de Direitos Autorais (Lei 9.610/98)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Nina Simone - feelings (1976) HQ

Tornar a ver