quarta-feira, 28 de setembro de 2011

A VEZ DAS NEGRAS LINDAS E MARAVILHOSAS!...

A vez das negras


Antes que vocês inventem de rodar aquele botãozinho do mouse ou de segurar a barra de rolamento para olhar o tamanho da postagem, pra saber se vai ler ou não, fiquem logo sabendo que a postagem é boa e curta. Não precisa ficar com preguiça de ler, ela só está grande porque tem muita imagem.


Quem falou que "preto não tem vez" está claramente enganado. (Enfim consegui usar o termo "claro" para alguma coisa ruim. O "escuro" já sofreu muito) A mulher mais bonita do mundo é da raça mais discriminada e do continente mais pobre. A belíssima angolana Leila Lopes, de 25 anos, tornou-se a terceira Miss Universo negra da história (Se alguém descobrir mais uma Miss Universo negra, por favor, faça um comentário informando), deixando para trás a maravilhosa Ucraniana Olesya Stefanko e a deslumbrante brasileira Priscila Machado. A primeira negra a vencer a competição foi a Trinitina Janelle Commissiong, em 1977 (Pra quem não sabe, Trinitina é aquela que nasce em Trinidad e Tobago).
Olesya Stefanko, Miss Ucrânia
Priscila Machado, Miss Barsil

Natália Rodrigues,
Miss Argentina
Apesar da vitória, Leila Luliana da Costa Vieira Lopes (Parece um nome brasileiro né? É que a Angola foi colônia de Portugal, assim como o Brasil) foi ameaçada de perder seu título de Miss Universo porque, segundo uma reportagem de um jornal argentino, Mukano Charles, o promotor de eventos que organiza o Miss Angola/Reino Unido e Miss Angola/Portugal, é suspeito de ter falsificado documentos para a participação de Leila no concurso. Tinha que ser um jornal Argentino! Na minha opinião, isso é inveja por terem ganho o concurso apenas uma vez a quase 50 anos atrás. Quem eles queriam que ganhasse? Maradona? A Miss Argentina é que não vai! Com aquele rosto estranho, ela está mais pra "Misspanta"!
Leila Luliana, Miss Universo 2011

Quando eu quase estava dando razão a quem disse que "preto não tem vez", a organização do Miss Universo resolveu confirmar a vitória da angolana. Até pra vencer o negro tem que sofrer...
Bom mesmo seria se a Angolana mostrasse o "Kuduro" durante a apresentação. Ela ganharia com mais facilidade.
Taís Araújo



Eu só queria deixar confirmado (pra não ter que dizer "esclarecido") que esse não é um tipo de assunto que eu costumo tratar nos meus blogs, mas eu não poderia perder a oportunidade de falar e colocar fotos de um monte de mulher bonita aqui (E, pra ser bem sincero, as fotos dessas maravilhosas foi o motivo que me motivou a estar falando sobre isso).
Espero que agora a mulher negra ganhe o espaço que ela não tem. Por exemplo, na televisão brasileira, vocês já viram alguma novela protagonizada por uma mulher negra? Eles só deram chance uma vez a Taís Araújo mas, só pra sacanear, o nome da novela é "Da cor do Pecado". Negra em novela é contada e, geralmente, faz o papel da empregada. Negro só é maioria em novela de escravo. E o que vocês acham de "Escrava Isaura"? Quando finalmente a novela é protagonizada por uma escrava, a escrava é branca! As dezenas de negros que aparecem nessa novela são coadjuvantes ou figurantes que aparecem como plano de fundo de alguma senzala. Os coitados sofrem a novela toda, e só tem um pouco de alegria quando estão num quilombo que ainda não foi atacado.
Desses poucos negros que aparecem nas novelas, a grande maioria é coadjuvante. Nem precisa procurar um histórico de novelas para saber. Façamos melhor... Que tal um teste? Se você costuma assistir as novelas da Globo, diga o nome desses atores. Ainda não achei ninguém que acertasse mais de quatro. Agora tentem acertar o nome dos atores brancos da imagem abaixo. Ainda não achei ninguém que errasse mais de quatro.

Conheço várias negras que merecem muito ter sua beleza valorizada. Acredito que a vitória de Leila sirva de incentivo para que a beleza negra seja tão valorizada quanto a beleza branca. Eu ainda quero votar, em no máximo 24 anos, numa mulher negra como presidente da república e vê-la eleita.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Juiz determina que urinar em vias pública não é crime

Juiz determina que urinar em vias pública não é crime Jornal do Brasil Em fevereiro a prefeitura do Rio, atravé...

Tornar a ver